*

Citação bibliográfica

 

Argel, M., 2002. Sanhaço-cinza (Thraupis sayaca). In: www.marthaargel.com.br. Acessado em [data do seu acesso].

 

--- Lembre-se sempre de citar a fonte de informações obtidas na Internet --- 

--- Seja ético e respeite os autores ---

 

 

 

 

Sanhaço-cinza (Thraupis sayaca)

Ordem Passeriformes

Família Emberizidae, Subfamília Thraupinae

Outros nomes populares: sanhaço, sanhaço-cinzento

Nome em castelhano: celestino común (Argentina), sayubú (Bolívia), celestón, frutero azulejo (Uruguai)

Nome em inglês: Sayaca Tanager

 

 

 

O sanhaço-cinza é uma bonita ave de colorido cinza-azulado, extremamente comum em áreas rurais e cidades, em especial nos bairros mais arborizados. No estado de São Paulo, é uma das aves mais importantes como dispersoras de sementes, pois ao comer os frutos não danifica as sementes, que engole e elimina mais tarde, intactas e longe da planta-mãe. Nas cidades é bem conhecido das pessoas, pois aparece em árvores frutíferas e em comedouros onde são oferecidas frutas.

 

 

Alimentação: alimenta-se de frutos, insetos e outros bichinhos, néctar e pétalas de flores. Em São Paulo come os frutos de figueiras (Ficus carica, F. microcarpa, F. elastica), amoreira (Morus nigra) e embaúba (Cecropia sp.), come as pétalas de ipê-amarelo (Tabebuia sp.) e toma o néctar de flores de eucalipto (Eucalyptus sp.) e mulungu (Erythrina). Visita comedouros para comer mamão, banana, laranja e outras frutas.

 

Reprodução: o ninho é uma cestinha bem construída, onde são colocados 3 ovos brancos e muito manchados de marrom.

 

Ambientes onde vive: vive em praticamente todos os ambientes, naturais ou criados pelo ser humano. Na cidade, vive onde quer que existam árvores, desde os parques com bosques até os bairros, tanto residenciais quanto comerciais e industriais. Em São Paulo, existe até no centro da cidade.

 

Distribuição: ocorre na Bolívia, em todo o Brasil ao sul da Amazônia, no Paraguai, no Uruguai e no norte e leste da Argentina, até Buenos Aires.

 

Algumas cidades paulistas onde ocorre: Bauru, Campos do Jordão, Diadema, Itanhaém, Itapetininga, Juquiá, Mineiros do Tietê, Presidente Prudente, São Paulo, Teodoro Sampaio.

 

 

Martha Argel

junho de 2002

 

 

alto da página

 

Aves de São Paulo